Poema

Atualizado: 29 de mar.



Há pessoas que dizem que o amor é um sentimento malandro

E de facto, todo o amor que é mesmo amor é malandro.

Ele nasce sem pedir licença

e cresce sem ter em conta as adversidades conjunturais

Mas há quem diga que amor é um sentimento lógico

Discordo completamente com a noção de lógica de um sentimento passional

Um amor, uma paixão, um bater forte do coração

não podem ser equacionados, pensados, discutidos

O amor, na verdade, é uma loucura humana

que penetra no A e quer reflectir-se no B

Mesmo os amores que nascem de uma matemática social

ou de uma lógica social

carregam consigo pitadas de loucuras

Mas a beleza de um amor louco

descobre-se nos gestos quotidianos

manifesta-se nos pequenos nadas de quem sofre do vírus passional

e mais do que isso

o amor sabe existir mesmo na incerteza de A ser aceite pelo B.


Stefan Florana Dick



63 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

O teu silêncio machuca O teu silêncio fala e diz algo que não apazigua o meu coração O teu silêncio transmite frieza e distância Teu silêncio silencia a minha voz, as minhas vontades, as minhas div